Google+ Endorfinando - Paixão por Esportes: Samsung SP Classic 2009 - Primeira quebra da minha história

segunda-feira, novembro 23, 2009

Samsung SP Classic 2009 - Primeira quebra da minha história

2009 definitivamente foi um ano interessante pra mim na corrida. Fiz minha primeira Meia Maratona, corri as 10 milhas ( 16.1 K ) com um belo tempo ( pra mim ), abaixo de 5 min por km, baixei meu tempo nos 10 k no Circuito das Estações e ... a queda.

Bem, após isso experimentei um baita relaxamento, me inscrevi na SS mas praticamente não treinei direito em setembro e outubro, ganhei da Nike a inscrição pra Human Race RJ e lá fui eu para o RJ para iniciar a preparação para a SS, no RJ registrei meu pior tempo nos 10K, interessante, no ano que registro meu melhor tempo também registro meu pior, após isso fiz a Fila Night Run, melhorei um pouco mas ainda assim senti dores e cansaço acima do normal, continuei apertando os treinos, fazendo musculação para os membros inferiores ( eu nunca faço , só faço para os superiores ), canelite, dores musculares, treinos fortes e minha sagrada cerveja de final de semana e ainda assim parti para a Samsung 10K como antepenultima prova antes da SS.

Resultado ? Bom, antes de falar no resultado, eu fui decidido a terminar a prova abaixo dos 5K por minuto mas as coisas começaram mal, exagerei na dose da minha amiga cerveja na quinta e na sexta, sabado não consegui dormir ( minha mente trava uma batalha comigo quando preciso dormir para acordar cedo ), então fui para a prova virado da noite anterior e sentindo ainda as dores musculares.

O dia estava nublado, após chover muito na madrugada, a temperatura na largada não estava tão elevada, 23º é bem aceitável, mas estava muito abafado, no meu mini aquecimento de 3 minutos já começaram a pingar muitas gotas de suor.

Foi dada a largada e la fui eu rumo ao objetivo, passou o primeiro e o segundo KM, olhei para o Garmin e estava bem ( 4:38 e 4:42 respectivamente), olhei as placas de ritmo da Corpore é algo muito interessante, pois é o ritmo bruto mas da perfeitamente para você mensurar como vc está,minha estratégia era simples, ficar na casa dos 4:40 nos primeiros 4K, relaxar um pouco no 5 e no 6º K e voltar a apertar no final, assim poderia terminar a prova na casa dos 47 min e as coisas pareciam que iam dar certo e fechei o 3ºK com 4:46...

Pareciam apenas... No 4ºK além do tradicional incômodo por sair da homeostase também comecei a sentir as dores musculares, o diabinho da corrida começou a me infernizar falando para eu andar um pouco, é normal esse diabinho me infernizar, na Meia Maratona foi assim desde o 14º K e eu sempre enrolei ele, sempre falei, só mais 2 K , só mais 1 K, e assim fechei o 4ºK com 4:52 , porém... pela primeira vez desde que comecei a correr, no ano em que ocorreu de tudo ( conforme relatado acima, primeira meia , melhor e pior tempo nos 10 K ) eu fui vencido temporariamente pelo diabinho, fiquei preocupado com as dores e quando vi a subida da Av. Rubem Berta subi na calçada e caminhei por 1 min, fiquei puto comigo mesmo e voltei a correr fechando o 5K em 5:49 e o 6º em 4:52, na metade no 6 K o diabinho me venceu de vez e me coloquei a andar novamente, desanimado total com as dores e tudo mais, depois de andar por uns 2 minutos, quando o anjo da corrida interviu e fez com que uma anja real passasse por mim e me " carregasse " com ela, conforme iamos conversando ( e particularmente relaxando e nem sentindo dor nem nada nos 3 K´s finais ) ela me relatou que tem quatro maratonas nas costas, 15 São Silvestres, ótimos tempos entre outras coisas até que teve que parar tudo e lá estava ela me carregando até o final e assim fomos até o pórtico de chegada na qual fechamos a prova em 53 minutos, tempo esse melhor que o do Rio de Janeiro em que não andei nem 1 metro, corri o tempo todo, poderia dizer que a Samsung foi meu segundo pior tempo mas não, foi uma prova interessante, esses anjos estão em todas as provas, é comum você ver um corredor motivando e " carregando " outro que está prestes a desistir e eu acho que é esse calor humano e força que distingue os corredores de verdade dos corredores de modinha pois eles sabem devido a experiência o que cada um passa.

O nome da anja que me salvou nesta prova era Soninha, ela é massagista, treina e atende na USP.

A Samsung é uma prova interessante, descidas e subidas conforme vocês podem observar no gráfico, quem não está preparado vai sofrer mesmo, apesar de não ser uma prova longa, porém quem tiver preparo tira de letra e ainda melhora o tempo devido as descidas da prova.
Enfim, penso que agora encerro a má fase em um ano que aconteceu de tudo, eu quebrei pela primeira vez na minha história para encerrar de vez e voltar pra boa fase.

Valeu Soninha e agora é intensificar os treinamentos para fechar a São Silvestre em 1:15.

8 comentários:

K∂riиє* disse...

Ola ! Adorei seu blog !
COstumava correr quando morava no rasil e ate' hoje mesmo morando no friiiiio da Irlanda faco uso do esporte quando a preguica deixa,mas so' vejo vantagens em uma boa corrida,a gente se sente revigorado !
Ja' corri uma meia maratona ,na Lagoa, No Rio, em 2004.
:)

eijos e continue corrrrendooo !

planetadablogueira.com disse...

Olá Richard tudo bem??
Estou com uma promoção em meu blog que vai presentear com domínio! Participa, e boa sorte!
Beijão

Anônimo disse...

Cara parabéns pelo desafio vencido, seu blog é muiot legal, que venha o próximo.

Anônimo disse...

Cara parabéns pelo desafio vencido, seu blog é muiot legal, que venha o próximo.

BLOGdoRUBINHO
www.blogdorubinho.com.br
www.twitter.com/rubenscorreia

Jorge Ultramaratonista II disse...

Rick boa noite, lembre-se de uma coisa, cada dia é um dia, cada corrida é uma corrida e lembre-se nós as vezes treinamos pacas e as vezes a corrida não saí como deve sair, isso de quebrar não acontece só conosco corredores amadaores, também acontece com os corredores de elite, nem sempre nosso corpo está com um bom dia para correr, o que fazer nestas horas...Desistir de tudo...Eu digo que não, só em vc completar a corrida, mesmo não sendo no tempo planejado vc é um campeão cara, pois lembre-se que vc venceu o sedentarismo...Parabéns por mais uma bela corrida e com certeza na próxima vc se sairá melhor...

Bons treinos.

Um abraço,

Jorge Cerqueira
Ultramaratonista
www.jmaratona.blogspot.com

Rinaldo disse...

Ola Rick,

Não quebrou não, cara, apenas não foi seu melhor dia e isto acontece com todo mundo. Tive uma dor danada nos pés no ano passado na São Silvestre e tive que andar na Brigadeiro. Este ano, pretendo dar o troco!

Bons treinos!

Claudio Rinaldo
http://numerodepeito.blogspot.com/

Eduardo Acacio disse...

Meu caro, o clima não ajudou mesmo.. estava muito abafado e muita gente... mas tenha certeza vc foi muito bem... é uma prova dura com muitos aclives e tem que ser fera para encarar ...

PARABÉNS ...

Suzy disse...

Parabéns pelos os proprios desafios que você faz para si próprio , parabéns e gostei de seu blog , vou voltar sempre . Byy Suzy

Google+